Conheça a Fórmula Mágica de Greenblatt para selecionar ações

0
170
fórmula-mágica-de-greenblatt
Fórmula Mágica de Greenblatt (Foto: istockphoto)

Fórmula Mágica de Greenblatt – Ter uma fórmula mágica para escolher as melhores ações para investir – buscar o melhor retorno do seu investimento. Certamente, é o que 10 em cada 10 investidores do mundo querem, não é mesmo?

E se eu te disser que, de fato, existe uma fórmula mágica que permite aos investidores determinar a melhor aposta para investir em ações?

Essa é a “Fórmula Mágica de Greenblatt”, a premissa que classifica as ações por certas métricas fundamentalistas, permitindo que os investidores avaliem, organizem e determinem as melhores opções de ações para investir.

Essa abordagem é curiosa e vale a pena conhecer. Continue lendo o artigo de hoje para saber como funciona e como aplicar essa fórmula mágica na hora de escolher os ativos que formar sua carteira de ações.

Quem é Joel Greenblatt?

Joel Greenblatt é um americano, professor e gestor de Hedge Funds. Contudo, é mais conhecido pelo seu livro “The Little book that beats the markets”.

Livro que Greenblatt apresentou a fórmula mágica, criada pelo investidor, cujo objetivo é auxiliar os investidores a comprar, de forma simples, as melhores ações com bons descontos.

Como Funciona e como Aplicar a Fórmula Mágica de Greenblatt

A fórmula mágica de Greenblatt é simplesmente identificar ações de empresas com alto valor e fundamentos sólidos, mas negociando aos preços mais baixos do mercado.

A identificação dessas oportunidades é derivada da criação de um ranking.

O ranking proposto por Greenblat consiste em empresas de alto valor (medido pelo retorno sobre o capital) e empresas de preços baixos (medido pela razão entre o lucro e o valor de mercado da empresa).

Esse ranking pode ser criado usando o índice ROE (retorno sobre o patrimônio líquido) e pelo índice P/L (calculada pela divisão pelo preço de uma determinada ação pelo lucro líquido da empresa).

Dessa forma, os investidores podem identificar não apenas a saúde financeira da empresa, mas também se o preço do ativo está alto ou baixo.

Conforme Greenblatt, entre 1988 a 2004, uma carteira composta por 30 ações melhores classificadas combinadas teve um retorno médio de 30%/ano, enquanto o mercado obteve 12% no período.

Aplicando a Fórmula Mágica na Prática

Aplicar a fórmula mágica na hora de compor sua carteira de ações é uma tarefa muito simples.

Primeiramente, você precisa escolher alguns papéis que lhe interessam para compor sua carteira.

Logo depois, você precisa calcular os índices ROE e P/E para cada uma das ações selecionadas e montar o ranking para cada índice calculado.

A tabela de ações calculada pelo ROE deve estar em ordem decrescente e a classificação P/L deve estar em ordem crescente.

Os investidores devem então somar a posição de cada empresa em cada ranking em ordem e classificar essas somas em ordem crescente.

Portanto, de acordo com a metodologia de Greenblatt, as empresas com os menores números no ranking combinado serão aquelas com a melhor combinação do índice – sendo as melhores escolhas de investimento.

O site Status Invest oferece ferramentas para você criar o seu ranking com a fórmula mágica de greenblatt.

Leia Também

Rate this post